quinta-feira, 7 de junho de 2012

São Paulo pode se tornar sede da Exposição Universal, uma espécie de "copa do mundo" das exposições


A cidade de São Paulo pode se tornar a sede da maior e mais importante feira do mundo, a Exposição Universal, um megaevento que acontece a cada cinco anos e dura seis meses, e que em vários aspectos organizativos, de divulgação e de participação de público assume dimensões equivalentes a uma Copa do Mundo ou uma Olimpíada.

Esta exposição acontece desde o século XIX, e suas edições têm se caraterizado por expor ao público, pela primeira vez, marcos mundiais da arquitetura, a arte, o design, o comércio ou grandes projetos da humanidade, como o telefone, que foi apresentado na edição da Filadélfia, Estados Unidos, em 1876.

A candidatura foi apresentada pela Prefeitura da cidade com o nome EXPO São Paulo, e a data sugerida é de 15 de maio a 15 de novembro de 2020. O evento, que aconteceria pela primeira vez na América Latina, seria realizado no Centro de Convenções e Exposições de Pirituba, na região noroeste de São Paulo, ocupando uma área de cinco milhões de metros quadrados, algo em torno de quatro vezes o tamanho do Anhembi, atualmente o maior centro de exposições da cidade.

tema escolhido para a EXPO São Paulo reflete uma preocupação universal: "Força da diversidade, harmonia para o crescimento". A intenção dos organizadores é que essa edição da Feira permita apresentar os estilos de vida das futuras gerações, possibilitando o debate em torno ao significado de um novo mundo se fronteiras, mais integrado e em maior interação.

A estrutura para a realização da EXPO São Paulo, em caso de que essa cidade resulte finalmente vencedora, contará com extensas áreas de exposições, centro de conferências, shopping center, hotéis e outras instalações. Está prevista inclusive a realização de melhorias para facilitar o acesso à região, incluindo a construção de uma nova linha de metrô e uma nova estação para ser incorporada à linha 7.

Outras informações sobre a candidatura da Cidade de São Paulo como sede da Exposição Universal poderão ser obtidas no site www.saopauloexpo2020.com.br.

segunda-feira, 4 de junho de 2012

O domínio da língua espanhola nos faz mais valiosos no competitivo mercado de eventos?




O idioma espanhol conta com muito boa saúde e está se expandindo pelos quatro cantos do mundo. Cada vez mais pessoas falam espanhol, e o conhecimento dessa língua tem se tornado uma espécie de senha que permite o acesso às diferentes formas da cultura de numerosas nações. Vale a pena então investir no domínio do idioma espanhol para trabalhar no mercado de eventos? "Hablar" espanhol nos torna mais competitivos como profissionais desse setor?

As estatísticas mostram que o espanhol se coloca em quarto lugar no mundo pelo seu número de falantes, perdendo apenas para o mandarim, o hindi e o inglês. Por razões econômicas, o espanhol é atualmente a língua mais estudada como idioma estrangeiro em países não hispanos de América e Europa, e nos Estados Unidos, o espanhol é o segundo idioma mais utilizado.

E mais: o espanhol é uma das línguas de maior utilização em fóruns políticos internacionais, sendo idioma oficial na ONU, UNESCO, UE e MERCOSUL. Conta com mais de 450 milhões de falantes nativos, além de mais de 100 milhões de pessoas que o aprenderam como segunda língua. E do ponto de vista geográfico, é falado em uma das regiões mais extensas do mundo, sendo o idioma oficial de 21 países, a maioria deles vizinhos do Brasil.

Conforme foi noticiado recentemente, o Brasil ocupa hoje a 7ª colocação no ranking de países que mais recebem eventos internacionais e a Embratur já anunciou que pretende elevar em breve essa colocação para o 5º lugar. Em todos esses eventos o idioma espanhol se faz sempre presente, sendo incorporado pelos participantes nativos e pelos outros conhecedores dessa língua.

E o que dizer então da oportunidade ímpar que o Brasil terá durante a realização da Copa do Mundo e os Jogos Olímpicos? Em anos de Copa e Olimpíada vai se falar, e muito, na língua de "los hermanos". Por isso, para aqueles profissionais de eventos que prefiram não ter que lamentar no futuro, fica aqui a dica: vale a pena sim, e muito, fazer parte daqueles que dominam a língua espanhola.

_____________________
Apenas por coincidência, viajo hoje para Caracas e amanhã de noite chegarei em Havana, onde ficarei um par de semanas. Nesse tempo todo, prometo a vocês que irei praticar muuuuuuito meu espanhol!  rsrsrs